English French German Spain Italian Dutch

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Trato

Tenho um acordo com meu eu. Ter um pouco de felicidade até o final de cada dia. Claro que tem dias que não consigo cumprir!E outros que a felicidade vem de uma forma fácil.
Num sorriso de uma criança. Num caramelo com o sabor da minha adolescência.
Numa musica que me leva por aí
Lembrando-me descobertas passadas. E guiando-me por novas.
Nos dias em que não cumpria minha parte do trato ficava quieto.
Sentia-me pequeno.
Por que a vida cumpriu com a parte dela. Deu-me emoções!O sol, plantas, amigos, e a liberdade de escolha.
Enfim, estava tudo a minha frente e deixei a felicidade passar.
Mas, amanhã prometo a mim mesmo que vou conseguir.
E o que vou conseguir não é alcançar a felicidade.
Mas, sim ser feliz em procurar por ela.

Marcelo Sales

terça-feira, 21 de julho de 2009

Depois de ver

video

Depois de ver
O círculo
Composição: Pedro Pondé

Era a casa
Era luz
Eram pais e irmãos
Mas era só um lado do mundo
Era só esse que eu via
Era deus
Era igreja
Era culpa
Era dor
Mas era só um lado do mundo
O outro eu desconhecia

Era a ordem e a prova
Era o estudo e o uniforme
E o futuro
E o futuro...

Mas era tudo incompleto
E eu faço parte do mundo
Eu só cheguei a mim mesmo
Depois de ver

sexta-feira, 17 de julho de 2009

ACESSEM:

www.festivaldeinvernobahia.com.br

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Reencontro

Composição: Marcelo Aranha

Um reencontro é a forma de acabar com os fantasmas.
Por que assim caem as mascaras.
Afinal, Já sabemos demais do outro.
Os vícios, defeitos e gostos.
Se for pra reviver nem adianta.
Pois, o seu sabor já me é estranho e diferente.
Nem sempre é bom colher o que se planta.
Quando não se conhece a semente.

Deixa o reencontro no meu sonho.
Assim ele é como eu quero.
Sem fatores estranhos ou mistérios!

Tenho preguiça pra amor novo.
Não deixo crescer!
Além disso, sou muito orgulhoso.
Pra outra vez me envolver.
Reencontro só é bom.
Quando é o fruto de boas saudades.
E não quando vem cheio de dor e entraves.

Deixa o reencontro no meu sonho.
Assim ele é como eu quero.
Sem fatores estranhos ou mistérios!

Letras!

É com satisfação que comunico aos acompanhantes do blog que brevemente muitos textos daqui poderão ser ouvidos.
Estão sendo transformados em musica!


Marcelo Aranha

terça-feira, 14 de julho de 2009

O Centro do universo

video

Cascadura
Composição: Fábio Magalhães

Se tudo deu errado foi por culpa dela!
Mesmo sempre estando a lhe escutar
Jamais dividiu se quer uma parcela
Dos bons dias que os dois podem lembrar
Não se conforma se um novo Amor
A arrebatou e a levou pra outro lugar
Diz que nunca mais quer ver a cara dela
Mas na verdade tudo o que ele quer ver
É o impossível acontecer
Ela voltar e lhe dizer
Que tudo não passou de um grande engano seu

E assim vê se passar um dia a mais em vão
E assim vai atravessar a noite em claro, então
Assim vai envelhecendo sem nunca aprender
Que ninguém é o Centro do Universo, não

A cada instante uma lembrança lhe revela
Faltava muito pouco pra mudar
Mas muito orgulhoso, quis pular mais essa
Fez que fez, deixou continuar
A mágoa que isso enfim lhe causou
O tomou e não vai mais lhe abandonar
Pois como ele disse: Tudo é culpa dela!
Não há nada que o faça se arrepender
E admitir que ele perdeu
Alguém que amava por não ter
Admitido cada engano que era seu

E assim vê se passar um dia a mais em vão
E assim vai atravessar a noite em claro, então
Assim vai envelhecendo sem nunca aprender
Que ninguém é o Centro do Universo, não

segunda-feira, 13 de julho de 2009

O livro

Em Breve colocarei um link
Para quem quiser baixar o meu livro.
O Coelho Carnívoro!

Versos Versus Versos

Agora ela está associada as minhas derrotas.
Creio que é pelo fato de ter sido o tempo que estive ao seu lado minha maior vitória.
Então!Quando a vida muda meus rumos e histórias
Sinto falta dos momentos simples. Mas que pra mim foram de pura glória.
O melhor de se apaixonar por um demônio é que voce não precisa ser bom.
Mas, toda vez que a raiva aflora e tento a ela agredir.
O mais atingido sou eu.
Não sei o que amo. Ela ou o vazio que me deixou.
Preciso de um dos dois para continuar.
Continuo machucado!Pois, nunca aprenderei a machucar intencionalmente.
Ela deve ter mudado. E quero conservar na lembrança.
Uma pessoa que não existe mais.
A vida entalha a cada dia nossa alma.
Com gestos sutis ou viscerais.
Até o momento que ela acaba.
Por isso:
Enquanto tantos brigam contra a solidão.
Ela está sempre aqui
Nunca me deixa só!
É como se nunca tivesse partido
E quando estou com alguém na verdade estou a três.
Talvez por não ser mais tão inconsequente.
Que foi o fator que certamente influenciou para que eu a vivesse daquela forma apaixonadamente alucinante...

Marcelo Aranha

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Ele,O super-herói

video

Certos dias o tornam melhor
Ele é um herói
Sempre tem muito há fazer

É o mais veloz
Bem mais que nós
E onde lhe dói
Ninguém poderá saber

E a vida que ele leva não, não é, não
A que ele quer
Não, não é, não
Esconde nas trevas o que lhe dá prazer
Enquanto o mundo está a dormir

Sem mocinha
Eis nosso herói
Só solta a voz
Pra fingir que nunca perdeu

Quem o vê voar não o vê deprimido
Quando ele está derrotado sob as cobertas
E se ele revelar o quanto é sensível:
"O que é que os outros vão dizer?"

Fábio!Me retratou perfeitamente!Valeu!!!

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Sarcástico!!!

Sarcástico!
Eu o sou!Está incorporado no meu eu!Creio que desenvolvi meu sarcasmo á medida que fui entendendo a vida!
Percebendo que posso ser feliz com qualquer dor. Pois, existe uma maior que se incorporou em mim.
Todas as minhas paixões depois da maior!Tiveram que conviver com esse sentimento também!E o respeitam quando me ouvem falar dele.
Se a mulher que estiver comigo aceitar esse meu sentimento de saudade. Essa saudade não de beijar. Mas, Das conversas e do abraço.
Sigo feliz! E ela sugando um pouco da minha felicidade.
Não sei se que o que sinto agora é saudade de você ou da dor que de vez enquando acorda comigo!
Aí sou silêncio o dia todo. Sou ouvir as musicas que lembram os momentos bons.
Sou um choro contido no canto de casa!No volante do carro!
Sabe aquele choro sem lágrimas?
Só deixando o sentimento aflorar um pouco!
No meu silêncio viso não me machucar e não machucar você.
Pois, sei usar bem as palavras!
Mas, como humano sou passível de erros e de rancor também!

Sarcástico ?

Marcelo Aranha